Bruno Bernardi

Natural de Goiás, Bruno Bernardi entrou em contato com fotografia enquanto graduava-se em Biologia. A partir 1997, começa a se dedicar de forma exclusiva ao estudo e ao trabalho com a linguagem – passando pelo Dpto. de Multimeios/IA/UNICAMP, SVA (School of Visual Arts de Nova York) e SENAC (Especialização em Comunicação e Artes/Fotografia).


Como fotógrafo, participou de várias publicações, dentre elas, o livro Da Cor: 30 fotografias, produzido de forma independente.


Além disso,criou imagens para várias agências de publicidade e revistas – destacando-se a revista Página22, onde também foi editor de fotografia por quatro anos.


De fotógrafo documental, inicialmente, passou a se interessar cada vez mais por imagens construídas – seja através de experimentações em estúdio ou da busca por cenários inusitados para compor o universo onírico de seu trabalho.


Atualmente, residindo em São Paulo, além das atividades comerciais, dedica-se a organização e reflexão de sua produção artística ainda inédita.


Ver mais fotos de Bruno Bernardi

Na fotografia, a cor não é um elemento adicional. Ela está intrinsecamente ligada à própria condição existencial da imagem. Nesse sentido, da sua relação com o espaço do quadro fotográfico, surge um outro conceito de momento decisivo, o momento decisivo da cor, em que ela, apesar de sua fugacidade, encontra seu lugar ideal e harmoniza-se com os outros componentes da imagem.